Em 2019, o Cartão de Crédito Banco CTT (TAEG 16,1%) além de 0€ de comissão de disponibilização do cartão, ainda devolve 3% do valor das suas utilizações com o cartão de crédito. 

Condições da campanha:

  • Campanha válida entre 01/01 e 31/12 de 2019
  • Válido para todas as utilizações, exceto na opção de pagamento Fim do Mês
  • Devolução de 3% das utilizações em vales postais múltiplos de 30€, por cada 1.000€ utilizados (a emissão do vale pressupõe um valor mínimo acumulado de 1.000€)
  • O vale será enviado por correio no prazo de 60 dias, após boa cobrança da 1ª mensalidade nas opções de pagamento elegíveis: Pagamento Mínimo, Pagamentos Especiais e Pagamentos Fracionados
  • O vale tem validade de 30 dias e pode ser levantado em qualquer Loja CTT, depositado numa instituição bancária ou endossado (só podendo existir um endosso por cada vale emitido)
  • Não estão contemplados pagamentos antecipados, antes da boa cobrança da 1ª mensalidade
  • Esta campanha não requer adesão
  • O Banco CTT reserva-se no direito de cessar esta campanha antecipadamente e sem aviso prévio.

Conheça todas as outras vantagens do cartão de crédito aqui.

TAEG 16,1% para um limite de crédito de 1.500€, pago em 12 meses. TAN 12,20%. Informe-se no Banco BNP Paribas Personal Finance, S.A., através da linha de apoio Cartão de Crédito Banco CTT 707 288 282, 7 dias por semana, das 8h às 24h. O Banco CTT atua como intermediário de crédito vinculado e com exclusividade. Condições válidas no 3º trimestre de 2019 e sujeitas a alterações conforme campanha e legislação em vigor.

FAQs

Que tipo de utilizações estão abrangidas pela campanha?

Todas as utilizações feitas com o cartão de crédito, por exemplo:

  •  Compras em Portugal, no Estrangeiro e na Internet
  •  Pagamentos de combustíveis e Via Verde
  •  Pagamentos das contas da casa (IMI, eletricidade, água, gás e telecomunicações)
  •  Pagamentos de serviços e pagamentos ao Estado
  •  Adiantamentos de numerário a crédito (cash advance)
  •  Transferências da totalidade ou parte do saldo disponível, para a sua conta de depósito à ordem

Estão excluídos os pagamentos de juros e encargos associados ao Cartão de Crédito Banco CTT.

O que são Pagamentos Especiais com ou sem juros?

Consideram-se Pagamentos Especiais todas as opções de pagamento, para além das modalidades Pagamento Mínimo, Pagamento Fim do Mês e Pagamentos Fracionados, conforme campanhas em vigor e condições comunicadas.  Os Pagamentos Especiais estão descritos no contrato de crédito na cláusula 14.1 (iv).  

Se estiver na opção de pagamento Fim do Mês estou elegível para a campanha?

Os pagamentos em Fim do Mês não estão contemplados nesta campanha. Excepto quando efetuar uma utilização na opção de Pagamento Especial com ou sem juros ou Pagamento Fracionado.

Quando é cobrada a mensalidade?

  • Na opção de Pagamento Mínimo, o débito da mensalidade será feito da seguinte forma:

Exemplo: utilizações feitas entre os fechos de contas (Dia X de M e Dia X de M+1), corresponde ao período entre 18 de janeiro a 13 de fevereiro, o pagamento da mensalidade ocorrerá no dia 1 de abril (Dia X de M+3).

  • Na opção de Pagamentos Especiais e Pagamento Fracionados, o débito da mensalidade será feito da seguinte forma:

Exemplo: Pagamentos Especiais e Pagamentos Fracionados das utilizações feitas entre os fechos de contas (Dia X de M e Dia X de M+1), corresponde ao período entre 18 de janeiro a 13 de fevereiro , o pagamento da mensalidade ocorrerá no dia 1 de março (Dia X de M+2).

Data previsíveis de fecho de extrato, mês a mês:

O que acontece se não acumular no mês 1.000€ de utilizações elegíveis?

O valor das utilizações elegíveis vão sendo acumuladas até ao fim da campanha. O vale postal de 30€ será emitido quando forem acumulados 1.000€ de utilizações.

Quando e como recebo o vale postal?

O vale postal será enviado no prazo de 60 dias, após boa cobrança da 1ª mensalidade nas opções elegíveis: Pagamento Mínimo, Pagamentos Especiais e Pagamentos Fracionados, e após perfazer o valor mínimo elegível. Será posteriormente expedido para a morada do cliente. 

Se liquidar o valor em divida antecipadamente tenho direito ao vale postal?

Nos casos em que liquide o saldo em divida antecipadamente, não tem direito à atribuição do vale postal. 

Em caso de extravio/roubo do vale postal, o que acontece?

Em caso de extravio/roubo, poderá solicitar a revalidação (mediante o pagamento de uma taxa) numa Loja CTT, finda a data de validade do vale postal e até 60 dias após a sua data de emissão.

Se amortizar uma parte do valor em divida tenho direito ao vale postal?

Terá de pagar a 1ª mensalidade com juros, nas opções de Pagamento Mínimo e Pagamento Fracionado, e com ou sem juros, na modalidade Pagamento Especial. 

O que é a boa cobrança da primeira mensalidade?

A mensalidade tem que ser feita por débito direto e sem atrasos.

Em que casos não recebo o vale?

Serão excluídos do apuramento os clientes que se encontram nestes casos: 

  • Situação de incumprimento no pagamento das mensalidades;
  • Utilização do cartão na opção de pagamento Fim do Mês;
  • Pagamentos antecipados que não originam o pagamento da primeira mensalidade com juros.