PPR Mais Banco CTT

Pagina Produto PPR Mais

Porque nunca é cedo para sonhar com o que vem mais tarde, subscreva o PPR Mais Banco CTT  e prepare a sua reforma. Todos nós vivemos o presente, olhando para a reforma como algo distante. Por isso, quanto mais cedo começar a poupar melhor será o seu futuro. 

Características
Informação Legal

Esta é uma solução para quem procura um complemento para a sua reforma e esteja disposto a arriscar para ter mais rentabilidade no futuro. Um seguro de vida ligado a fundos de investimento (Unit Linked) que privilegia a poupança a médio e longo prazo. 

  • Retorno líquido esperado a 1 ano com base no Cenário de Desempenho Moderado (considerado no Documento de Informação ao Cliente)
  • Sem garantia de capital ou de rendimento
  • Sem encargos de resgate de PPR para investimentos superiores a 6 meses
  • Comissão de gestão anual de 1,2% deduzida diariamente ao património do PPR
  • Subscrição e entregas suplementares a partir de 250€
  • Entregas programadas a partir de 50€ por mês para reforçar e fazer crescer a sua poupança
  • Benefícios fiscais no ano da subscrição e aquando das entregas suplementares, com condições favoráveis na tributação de rendimentos de acordo com a legislação em vigor

Não dispensa a consulta da informação pré-contratual e contratual legalmente exigida.

Consulte Informação Adicional

Sobre o Banco CTT

O Banco CTT, S.A., sociedade anónima, com sede em Lisboa, na Avenida D. João II, n.º 13, Edifício Báltico, Piso 11.º, matriculado na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa sob o número único de matrícula e de pessoa coletiva 513412417, com o capital social de 296.400.000,00 Euros, registado na Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões em 4 de abril de 2017, e autorizado a exercer a atividade de mediação de seguros, na qualidade de agente de seguros, nos ramos de seguros de Vida e Não Vida. Os dados do registo estão disponíveis em www.asf.com.pt. O Banco CTT, S.A., enquanto agente de seguros, não assume a cobertura dos riscos, nem está autorizado a celebrar contratos de seguro em nome do Segurador, nem em receber prémios de seguro.

Sobre a Seguradora

O Seguro PPR Mais Banco CTT é um produto da Zurich – Companhia de Seguros, SA., Sede na Rua Barata Salgueiro, 41 – 1269-058 Lisboa | Pessoa Coletiva nº. 503 583 456 matriculada sob esse número na Conservatória de Registo Comercial de Lisboa com o capital social realizado de 20.660,260,00 Euros.

Agente Seguros Banco CTT

Reembolso de PPR sem custos nem penalizações fiscais (COVID-19)

De acordo com a Lei n.º 75-B/2020 de 31 dezembro publicada em Diário da República.

1 - Sem prejuízo do disposto nos n.os 1 a 4 do artigo 4.º do Decreto -Lei n.º 158/2002, de 2 de julho, até 30 de setembro de 2021, o valor de planos de poupança -reforma (PPR) pode ser reembolsado até ao limite mensal do valor do IAS pelos participantes desses planos e desde que um dos membros do seu agregado familiar:

a) Esteja em situação de isolamento profilático ou de doença ou preste assistência a filhos ou netos, conforme estabelecido no Decreto-Lei n.º 10 -A/2020, de 13 de março;
b) Tenha sido colocado em situação de redução do período normal de trabalho ou de suspensão do contrato de trabalho, em virtude de crise empresarial;
c) Esteja em situação de desemprego registado no IEFP, I. P.;
d) Seja elegível para o apoio extraordinário ao rendimento dos trabalhadores, previsto no artigo 156.º;
e) Seja elegível para o apoio extraordinário à redução da atividade económica de trabalhador independente, nos termos do artigo 26.º do Decreto -Lei n.º 10 -A/2020, de 13 de março;
f) Sendo trabalhador em situação de desproteção económica e social, preencha os pressupostos para beneficiar do apoio extraordinário previsto no artigo 325.º -G da Lei n.º 2/2020, de 31 de março, aditado pela Lei n.º 27 -A/2020, de 24 de julho, ou no artigo 156.º da presente lei;
g) Apresente uma quebra do rendimento relevante médio mensal superior a 40 % no período de março a dezembro de 2020 face ao rendimento relevante médio mensal de 2019 e, cumulativamente, entre a última declaração trimestral disponível à data do requerimento do apoio e o rendimento relevante médio mensal de 2019; ou
h) Sendo arrendatário num contrato de arrendamento de prédio urbano para habitação própria e permanente em vigor à data de 31 de março, esteja a beneficiar do regime de diferimento do pagamento de rendas nos termos da Lei n.º 4 -C/2020, de 6 de abril, e necessite desse valor para regularização das rendas alvo de moratória.

2 - No caso da aplicação do disposto na alínea h) do número anterior, o valor dos planos a reembolsar ao abrigo deste regime pode ir até ao limite mensal de 1,5 IAS. (1)

3 - O valor do PPR reembolsado deve corresponder ao valor da unidade de participação à data do requerimento de reembolso.

- Os pedidos de reembolso antecipado ao abrigo deste decreto-lei não têm qualquer penalização ou perda de benefício fiscal, desde que os planos de poupança tenham sido subscritos até 31/03/2020.

 

Para esclarecimento de dúvidas e obtenção de informações adicionais, pode entrar em contacto através da linha de apoio Banco CTT (info@bancoctt.pt)

(1) (a) 438,81€ por mês (valor do Indexante dos Apoios Sociais - IAS em 2020), para as situações indicadas nas alíneas a) a g) do n.º 1 do Artigo 362.º da Lei n.º 75-B/2020); e (b) 658,22€ por mês (valor correspondente a 1,5 do IAS em 2020), para a situação indicada na alínea h) do n.º 1 do Artigo 362.º da Lei n.º 75-B/2020)